Quinta-feira, 15 de Outubro de 2009

Azulejos da Estação da CP do Pinhão

 

publicado por Trasmontesdepaisagens às 00:01

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 14 de Outubro de 2009

Azulejos da Estação da CP do Pinhão

 

publicado por Trasmontesdepaisagens às 00:01

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 21 de Setembro de 2009

Sé - Miranda do Douro

A Sé Catedral de Miranda do Douro é uma edificação maneirista, cuja traça se deve ao arquitecto Miguel de Arruda, embora as obras se tenham iniciado sob a orientação do arquitecto bragançano Pero de la Faia. A primeira perda terá sido lançada em 1552, mas a conclusão da obra verificou-se já no período filipino. Orientado a sul, o templo tem planta cruciforme, com o transepto semelhante às naves. 
A fachada principal, em cantaria, mostra duas enormes torres que acentuam a verticalidade do imóvel. O pórtico renascença, de arco pleno, é encimado por um janelão moldurado de motivos geométricos. Estes dois vãos são ladeados por dois pares de colunas finas, que, no registo superior, emolduram dois nichos. Sobre esta composição axial inscreve-se um discreto frontão. A fachada possui ainda quatro janelas de verga recta, duas em cada registo. Ao alto, entre as duas torres, corre uma balaustrada. As duas torres que ladeiam a fachada dividem-se em três registos. Nos dois primeiros abrem-se janelas semelhantes às atrás descritas, enquanto no terceiro se abre uma ventana para sino. Por cima da cornija foi erigido um campanário.O interior é de três naves separadas por duas fiadas de três pilares toscanos, formados por quatro colunas adossadas, que suportam uma ampla abóbada de granito de nervuras cruzadas. A luz penetra no templo  com relativa abundância por três janelões de cada lado, abertos nos flancos. O pavimento é lajeado. Do lado do Evangelho apresenta o altar das Relíquias, datado de 1664. A nave cruzeira, quase tão ampla e de igual altura da nave principal, encontra-se dividida em cinco tramos por fortes arcos torais. Na capela-mor sobressai o enorme retábulo, de origem espanhola (realizado em Valhadolide pelo mestre entalhador Tomás Velasquez), obra de estilo renascença declinante. É formado por dois conjuntos de colunas coríntias que enquadram a zona central, dedicada à Assunção de Nossa Senhora. No andar inferior estão os Doze Apóstolos. O conjunto termina com um ático preenchido com representação do "Calvário". Do lado da Epístola encontra-se o retábulo de Nª Sª dos Remédios. Ainda deste lado do templo encontra-se o retábulo dedicado ao Santíssimo Sacramento. A igreja conserva ainda o órgão monumental que lhe foi dado na época joanina.

 

publicado por Trasmontesdepaisagens às 08:00

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 4 de Setembro de 2009

Janelas de Trás-os-Montes

publicado por Trasmontesdepaisagens às 19:00

link do post | comentar | favorito
Domingo, 30 de Agosto de 2009

Torre do Boi

 

A criação de gado foi tão importante que os de Travassos do Rio ergueram a meio do povo uma torre ao boi campeão. Os seus habitantes devem sentir-se orgulhosos também porque Travassos é, depois de Salto, a terra barrosã referida em documentos autênticos e mais antigos: trata-se de dois documentos do Tombo de Celanova, na Galiza, referentes a doações destinadas ao Mosteiro e ambas no termo de Travaços, datadas, respectivamente, dos anos 953 e 976, sendo que numa delas é doadora a própria mãe do bispo São Rosendo! Há 1053 anos!
Muitas vezes “o coração tem razões que a razão não conhece” e assim, por vezes, encontramos canastros, tulhões, cortes de boi, fornos e moinhos feitos com tanto primor e equilíbrio como se de altares ou sacrários se tratasse.

 

Travassos do Rio, Montalegre, 29 de Agosto de 1991 - Notabiliza este lugar um baixo-relevo na torre sineira a figurar a cabeça dum toiro, que foi campeão invencível nas turras do seu tempo e os habitantes, ufanos de tanta valentia, quiseram perpetuar.

Vou remomerando: Cornos das Alturas, Cornos da Fonte Fria, Tourém, Toural, Pitões.

Era assim antanho. Por todo o lado a mesma obsessão a tutelar as consiências. O mal é que o povo, em meia dúzia de anos, deixou apagar nos olhos a imagem viril, e perdeu a identidade. O Barroso de hoje é uma caricatura. Sem força testicular, fala francês, bebe coca-cola, deixou de comer o pão de centeio do forno comunitário, assiste a chegas comerciais, em campos de futebol, com bilhetes pagos e animais alugados. É um nédio boi capado.

 

Miguel Torga -  Diário XVI

 

publicado por Trasmontesdepaisagens às 00:01

link do post | comentar | favorito
Sábado, 29 de Agosto de 2009

Tenedor

Pequeno parque onde se colocam as crianças que ainda não andam ou que ainda andam mal.

 

publicado por Trasmontesdepaisagens às 00:01

link do post | comentar | favorito
Sábado, 22 de Agosto de 2009

Janelas de Trás-os-Montes

publicado por Trasmontesdepaisagens às 08:58

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 12 de Agosto de 2009

Carabelhos de Trás-os-Montes

publicado por Trasmontesdepaisagens às 15:40

link do post | comentar | favorito
Sábado, 8 de Agosto de 2009

Janelas de Trás-os-Montes

publicado por Trasmontesdepaisagens às 08:52

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 3 de Agosto de 2009

Janelas de Trás-os-Montes (I)

publicado por Trasmontesdepaisagens às 00:01

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. Carabelho ou Pica-porta

. Porta de mairos

. Portas de Mairos

. Trás-os.Montes Luís Portu...

. Muros de trás-os-Montes

. Janelas de Trás-os-Montes

. Portas de Trás-os-Montes

. Janelas de Trás-os-Montes

. Azulejos da Estação da CP...

. Azulejos da Estação da CP...

. Azulejos da Estação da CP...

. Azulejos da Estação da CP...

. Sé - Miranda do Douro

. Janelas de Trás-os-Montes

. Torre do Boi

. Tenedor

. Janelas de Trás-os-Montes

. Carabelhos de Trás-os-Mon...

. Janelas de Trás-os-Montes

. Janelas de Trás-os-Montes...

.arquivos

. Março 2017

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Junho 2014

. Maio 2014

. Setembro 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.tags

. todas as tags

.links